Esportes

Na busca por um treinador, Santos agenda reuniões com Carille e Rogério Ceni

Com a saída de Fernando Diniz, o Santos corre contra o tempo para buscar um novo treinador. As opções são Fábio Carille e Rogério Ceni e a tendência é o clube paulista fechar com um desses técnicos até o fim dessa semana.

3 min de leitura
07 Set 2021 - 16h58 | Atulizado em 07 Set 2021 - 16h58

Com a demissão de Fernando Diniz, o Santos agora está na busca por um novo comandante. O treinador não resistiu na derrota de domingo (5) para o Cuiabá e foi demitido. "O Santos FC comunica que Fernando Diniz deixa a função de técnico do time profissional neste domingo, 5 de setembro. O treinador foi comunicado ainda em Cuiabá, após reunião com o presidente Andres Rueda e o executivo de futebol, André Mazzuco", informou o perfil oficial do Santos, por meio das redes sociais.


Fernando Diniz não vinha demonstrando bons resultados. (Foto: Ivan Storti/ Santos FC)


As opções são Fábio Carille e Rogério Ceni, que já têm reuniões agendadas com o clube, segundo o site do G. Aliás, os dois têm história em clubes rivais. O primeiro teve uma excelente passagem no Corinthians, Carille saiu de auxiliar de Tite, (maior treinador da história do clube), para treinador. Sob seu comando, a equipe alvinegra conquistou dois campeonatos paulistas e um campeonato brasileiro. Já o Rogério Ceni é o maior ídolo da história do São Paulo. Carinhosamente apelidado como 'M1TO', o ex-goleiro conquistou quase todos os títulos possíveis no tricolor paulista. Ceni é o favorito da diretoria por ter um jogo menos defensivo e pode ter um possível acerto nos próximos dias.

Hospitalizado Pelé retira tumor no intestino

Zagueiro do Vasco é pego no antidoping feito pela Conmebol

De onde vem o dinheiro do Atlético-MG mesmo devendo valor astronômico?

Diniz é muito bem tratado pela imprensa por ser um estudioso, um adepto do futebol moderno e toda vez que ele assume um clube, essa expectativa é gerada é novamente em vão.  A equipe da Vila Belmiro vinha tendo resultados ruins sob o seu comando e estava há um mês sem vencer, que por sinal, ainda não se firmou nos grandes clubes brasileiros. Diniz já teve passagem pelo Fluminense, Athlético Paranaense e São Paulo e em nenhum deles conseguiu a confiança dos torcedores. No campeonato brasileiro de 2020, ele comandava o São Paulo e acabou abrindo 7 pontos de vantagem na liderança do campeonato brasileiro, mas deixou escapar e o Flamengo acabou sendo o campeão daquela edição.

 

(Foto destaque: Na busca por um treinador, Santos agenda reuniões com Carille e Rogério Ceni. Reprodução/Marcos Ribolli)

Deixe um comentário