Tech

NFTs se tornam aposta do Twitter e Facebook

Os tokens não fungíveis (NFTs) estão sendo usados por artistas, empresas e marcas como forma de negócio, e redes digitais, visando o crescimento deste mercado, apostam na implementação da ferramenta dentro de sua plataforma.

3 min de leitura
31 Jan 2022 - 09h14 | Atualizado em 31 Jan 2022 - 09h14

Nos últimos meses muitos questionamentos sobre os Token não fungíveis (NFTs) têm surgido na internet, em principal a aplicação dessa ferramenta através de grandes empresas que pretendem expandir a gama de negociações dentro de sua própria plataforma. Redes como Facebook, Twitter, Youtube e Instagram já vem trabalhando na possibilidade de implementação dos NFTs, e, em seu primeiro momento, eles estariam disponíveis para carregamento de foto de perfil e publicação na linha do tempo. A Meta, empresa de Mark Zuckerberg, pretende atender uma variedade de possibilidades de manejar os NFTs, podendo negociar, comprar e vender os ativos digitais.

O Twitter, há duas semanas atrás, anunciou que irá introduzir a aplicação dos NFTs como foto de perfil. Tal recurso já foi disponibilizado no Twitter Labs – área reservada para as assinantes do serviço Blue. O jogador Neymar Jr., após o anúncio do Twitter, adquiriu um espaço na Bored Ape Yacht Club (coleção de NFTs) ao investir um valor de R$ 6 milhões pela plataforma Ethereum.


NFT adquirido por Neymar (Foto: Reproduação/Bastidores)


 

Os NFTS (Tokens não fungíveis) são tokens criptográficos, e, diferentemente das criptomoedas, eles não são intercambiáveis. Ou seja, o valor dessa ativo digital é variado de acordo com o que é especulado. Algumas marcas e empresas já estão aplicando o uso de NFTs como estratégia, e outras, aos poucos, vem aderindo ao mercado, como podemos ressaltar:

Twitter – A plataforma deu o seu primeiro avanço ao liberar os NFTs aos usuários da plataforma paga. Também é possível conectar a carteira Ethereum, e, ao sincronizar os dados, o dono do perfil terá liberação para usar os NFTs com autenticação.

Facebook – A rede da empresa Meta idealiza criar um marketplace para os NFTs voltado para o público que utiliza o aplicativo. O público mais jovem migrou para outras redes, e, dessa forma, a empresa pretende desenvolver a ferramenta dos tokens aos usuários fiéis da plataforma.

Youtube – O Youtube deseja transformar os tokens em mais uma forma de gerar receita entre os criadores, a empresa atualmente tem o foco no investimento e compras de jogos, e no apoio aos criadores de conteúdo.

Foto destaque: NFT de Nyan Cat é vendido por 600 mil dólares. Reprodução/Jornal do campus.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo