Tech

Musk diz que contas banidas do Twitter não poderão voltar a ficar ativas, por enquanto

Até que se estabeleça um “processo claro”, as contas banidas da rede social não poderão retornar, o que esclarece sobre a retomada da conta de Donald Trump.

3 min de leitura
03 Nov 2022 - 21h00 | Atualizado em 03 Nov 2022 - 21h00

Nesta quarta-feira (2) através de um tuíte, o mais novo dono do Twitter, Elon Musk esclareceu que as contas que foram banidas da rede social não serão restauradas enquanto a plataforma não tenha um “processo claro para fazê-lo”, esclarecendo mais sobre a possível volta da conta do usuário mais famoso do Twitter, o ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump, que foi banido da rede em 2021, por fazer postagens que serviram de incentivo a seus seguidores e resultando na invasão do Congresso americano após o resultado das eleições.

Segundo Musk, a criação desse processo pode levar pelo menos mais algumas semanas, o que faz com que a conta do ex-presidente Donald Trump não seja reestabelecida antes das eleições de meio mandato, que ocorrerão em 8 de novembro de 2022.


Foto Twitter suspenso Donald Trump. Reprodução/Twitter


Os anunciantes da rede, os usuários e até mesmo os próprios funcionários tem acompanhado e aguardado de perto as ações que serão tomadas por Musk nesta primeira semana após a compra oficial da plataforma. Anteriormente, o presidente-executivo da Tesla informou que o Twitter não deveria mais banir os seus usuários de forma permanente, e também cancelaria o banimento da conta de Trump, suspensa por incitar a violência depois da invasão no Capitólio dos EUA em 2021.

O posicionamento no Twitter de Musk ocorreu depois dele se comunicar nesta terça-feira (1) com diversas organizações de direitos civis, como a Liga Antidifamação, NAACP e a Color of Change.

O presidente da organização de direitos civis, Rashad Robinson disse em entrevista que durante o contato, Elon Musk declarou que irá se compromissar com a defesa das políticas de monitoramento do conteúdo postado na plataforma do Twitter e também com a implementação da integridade eleitoral na rede, a fim de ter um maior controle de conteúdos inapropriados que possam vir a ser postados na rede.

 

Foto destaque: Twitter. Reprodução/Jakub Porzycki/Getty Images

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo