Notícias

Ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, delata possível fraude no programa Bolsa Família

Relatado pelo Ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, ele afirma que teve possível fraude no programa Bolsa Família durante o governo de Jair Bolsonaro.

3 min de leitura
10 Fev 2023 - 09h35 | Atualizado em 10 Fev 2023 - 09h35

Segundo o ministro Wellington Dias, houve um enorme rombo no programa bolsa família no final do ano de 2022. Estima-se que cerca de 2,5 milhões de famílias brasileiras receberam o auxílio do programa bolsa família sem se enquadrar nas características necessárias para recebê-la. Essas informações foram passadas pelo próprio ministro após fazer uma visita a uma unidade da “Cozinha Solidária” (projeto do Movimento Dos Trabalhadores Sem Teto, em que eles distribuem refeições para pessoas em situação de vulnerabilidade) no Distrito Federal.


Ministro do Desenvolvimento Social Wellington Dias e Presidente Lula. (Foto: Reprodução/Instagram)


Os dados atualizados disponibilizados pelo Ministério do Desenvolvimento Social mostram que no mês de dezembro de 2022 mais de 21,5 milhões de famílias receberam o Bolsa Família. O ministro Wellington Dias afirma que cerca de 10 milhões dessas famílias estão sendo investigadas e que pelo menos 2,5 milhões tem chance de terem recebido de forma indevida o benefício.

Segundo o Ministro, essa pode ter sido uma estratégia usada pelo ex-presidente, Jair Bolsonaro, para receber votos. Está sendo investigada a possibilidade de mudança nos dados do cadastro único (mecanismo usado para coletar dados para identificação de famílias de baixa renda para que possam ser incluídos em programas de assistência social), para garantir assim o acesso ao benefício para famílias que não são de baixa renda.

O Ministério do Desenvolvimento Social fez um levantamento por região dos números de beneficiários, que se dividem em: primeiro lugar o Nordeste com 9,9 milhões de famílias; em segundo o Sudeste com 6,46 milhões; em terceiro lugar o Norte 2,61 milhões de famílias; em seguida vem a região Sul, em quarto lugar com 1,46 milhões de famílias e por último a região Centro-Oeste com 1,15 milhões de famílias.

Existem basicamente 3 situações para que uma família se enquadre nos requisitos para receber o Bolsa Família. A primeira delas é quando a família vive em uma situação de pobreza extrema, ou seja, quando possui uma renda de 105 reais ou menos por pessoa. A segunda situação são famílias que vivem em condições de pobreza, tendo uma renda de até 210 reais por pessoa. A última acontece em situação de emancipação, isto é, quando a pessoa que usufrui do benefício arruma emprego formal, podendo seguir mais dois anos tendo acesso ao benefício caso sua renda seja de até 525 reais por pessoa.

Foto destaque: Cartão do Bolsa Família. Reprodução/SC News

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo