Música

Mark Hoppus, baixista do Blink-182, performa pela primeira vez após vencer o câncer

Após receber o diagnóstico de câncer em março e anunciar que venceu a doença em setembro, o baixista e vocalista do Blink-182 performou pela primeira vez em um show virtual. Mark Hoppus lutou contra a doença por 7 meses.

3 min de leitura
30 Out 2021 - 14h00 | Atualizado em 30 Out 2021 - 14h00

Depois de lutar durante 6 meses contra o câncer, o baixista e vocalista do Blink-182, Mark Hoppus realizou a primeira performance após o diagnóstico. Fantasiado de batman, o cantor foi parte da line-up do show virtual Travis Barker's House of Horrors, e tocou as músicas What's My Age Again?, The Rock Show e Family Reunion ao lado de Travis Barker, anfitrião do concerto e baterista de sua banda, e de Kevin "Thrasher" Gruft, guitarrista da banda Escape The Fate. 

Mark recebeu o diagnóstico de câncer estágio 4 em março deste ano e manteu a doença e seu tratamento em segredo até junho, quando veio a público em suas redes sociais e fez uma postagem revelando sobre a doença: "Há três meses estou fazendo quimioterapia para tratar um câncer. Eu tenho câncer. É uma droga e eu estou com medo. Ao mesmo tempo, fui abençoado por ter médicos incríveis e minha família e amigos para me ajudar a enfrentar isso. Ainda tenho meses de tratamento pela frente, mas estou tentando ser otimista e esperançoso. Mal posso esperar para ficar curado e ver todos vocês em um show em breve."

 


 

Mark Hoppus performa ao lado de Kevin "Thrasher" Gruft e Travis Barker. Foto: Reprodução/Youtube)


No mesmo dia, o cantor postou uma foto capturada durante uma sessão de quimioterapia com a legenda, em tom de brincadeira: "Sim, olá. Um tratamento de câncer, por favor."

Durante o tratamento, o artista passou por momentos difíceis, relatando diversos efeitos colaterais da quimioterapia, como enjoos e fraqueza. Mark também mencionava sobre não poder sair de casa, por riscos de contrair alguma doença ou infecção e piorar seu estado, visto que sua imunidade estava muito comprometida.

https://lorena.r7.com/post/Lollapalooza-2022-Festival-divulga-sua-line-up

https://lorena.r7.com/post/AMA-2021-Olivia-Rodrigo-e-The-Weeknd-lideram-indicacoes

https://lorena.r7.com/post/Harry-Styles-alcanca-marca-historica-no-Spotify


Para passar o tempo, o baixista conversava diariamente com seus fãs via Discord, realizavas lives na Twitch jogando videogames, tocando músicas de sua banda no baixo, respondendo perguntas de fãs e promovendo watch parties.

Em setembro, três meses depois de tornar público seu diagnóstico, Mark postou em suas redes sociais que venceu o câncer: "Acabei de ver meu oncologista e estou livre do câncer! Obrigado a Deus, ao universo, aos amigos, à família e a todos que mandaram apoio, carinho e amor. Ainda preciso fazer alguns exames a cada seis meses e levará até o fim do ano para eu voltar ao normal, porém hoje é um dia maravilhoso e eu me sinto muito abençoado." 

 

Foto Destaque: Mark Hoppus performando com sua banda durante o iHeart Radio. Reprodução/Kevin Mazur/Getty Images for iHeartMedia

Deixe um comentário