Esportes

Lukaku é barrado do jogo Chelsea x Liverpool por conta de uma entrevista

O técnico Thomas Tuchel não relacionou o atacante Lukaku para o clássico contra o Liverpool devido a uma entrevista do craque belga que foi ao ar na última semana.

3 min de leitura
04 Jan 2022 - 13h00 | Atualizado em 04 Jan 2022 - 13h00

No último domingo, 2 de janeiro, em partida do Chelsea contra o Liverpool pela Premier League que terminou empatado em 2x2, o técnico do time londrino Thomas Tucheul deixou o atacante Lukaku fora da relação do jogo por causa de uma entrevista que o belga havia dado para a Sky Sports há algumas semanas, mas somente foi ao ar na última quinta. 

Na entrevista, o craque faz juras de amor a Inter de Milão, seu ex time, além de dizer que não está feliz no Chelsea. O atacante ainda criticou o esquema do técnico alemão como podemos ver nos seguintes trechos: ”Fisicamente estou bem, melhor do que antes. Depois de dois anos na Itália, trabalhando com preparadores e nutricionistas, estou fisicamente ótimo. Mas não estou feliz com minha situação no Chelsea. Tuchel escolheu jogar em outro sistema", "Não vou desistir, tenho que continuar trabalhando e ser profissional. Não estou feliz com a situação que vivo, mas não posso desistir assim", "Sempre disse que tenho a Inter no meu coração. Sei que vou voltar à Inter, realmente espero isso”, ”Espero do fundo do coração voltar à Inter, não para encerrar a carreira, mas em um nível que eu possa ganhar ainda mais". O jogador do Chelsea deve ser multado em 500 mil euros pela entrevista que deu.  


Lukaku, atacante do Chelsea. (Foto:Reprodução/Lukaku/Instagram)


Thomas Tuchel ganhou respaldo da diretoria na briga contra o Lukaku. O técnico no seu antigo time, PSG, não tinha esse respaldo e sempre acabava perdendo na “queda de braço” com os jogadores. Esse foi um dos principais motivos para sua saída de Paris. Porém o alemão deu ao Chelsea uma Champions League na última temporada e atuante é o principal nome do clube. Com isso, o professor conseguiu administrar melhor essa crise interna gerada pela entrevista. A crise já foi contornada e o Romelu Lukaku teve uma reunião ontem com Tuchel. Nesse encontro, o belga reafirmou compromisso com o Chelsea e descartou a sua saída do clube londrino. Com o pedido de desculpas e o pagamento da multa, a volta do atacante ao time titular é provável na partida de amanhã contra o Totteham pelas semifinais da Copa da Liga. 

 Foto Destaque: Tuchel e Lukaku. Reprodução/Futebol Interior

LEIA MAIS

Deixe um comentário