Notícias

Léo Moura se manifesta sobre acusações contra sua irmã

Na manhã desta segunda (5), a Polícia Civil iniciou uma investigação contra a irmã do ex-jogador Léo Moura, Lívia Moura, após a polêmica, Léo se pronunciou e deixou claro que não está envolvido na situação.

3 min de leitura
05 Set 2022 - 19h13 | Atualizado em 05 Set 2022 - 19h13

Com a irmã procurada pela Polícia Civil, o ex-jogador Léo Moura usou suas redes sociais para deixar claro que não compactua e que não está envolvido nas últimas polêmicas de sua irmã, Lívia da Silva Moura. Desde a manhã desta segunda-feira do dia Lívia está sendo procurada pela polícia por suspeita de estelionato na venda de ingressos de shows para o Rock In Rio, que aconteceu neste fim de semana e continuará no fim de semana que vem. 

O ex-jogador disse: "Só quero deixar claro novamente que os problemas da minha irmã são absolutamente dela, infelizmente para a tristeza da família. Não me envolvo e nem compactuo com isso. Se errou, que pague pelos erros e não cometa novamente" - acrescentou: "Tenho minha família e um nome que zelo por muitos anos. Estamos tristes pelo acontecido porque somos humanos, mas estamos e ficaremos sempre do lado que é certo"


Story Léo Moura

Leo Moura via stories. Reprodução: Twitter. 


O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), junto da Polícia Civil, deram início em uma operação contra Lívia. De acordo com as investigações, Lívia se aproveitava do fato de ser irmã de Léo Moura para conseguir aplicar um golpe que pode ter gerado um grande prejuízo para a organização do Rock In Rio. Uma das vítimas teria realizado uma transferência via PIX de cerca de 20,8 mil reais.

Lívia morava em uma casa no bairro da Freguesia, localizada na Zona Oeste do Rio de Janeiro, e não estava lá quando foi procurada.

Os organizadores do evento esclareceram que Lívia não tem nenhum vínculo com o festival. Organizadores afirmaram ainda que não houve nenhum registro de credencial com os dados dela, nem mesmo no dia do evento teste. Por fim, o festival disse que não possui responsabilidade nenhuma sobre ingressos comprados por outros lugares que não o portal oficial do evento. 

O delegado Leandro Gontijo disse: “O golpe, ela aplica em várias frentes... Ela vende ingressos possuindo contatos lá dentro [da organização do festival] e repassando os números desses ingressos, sendo que as pessoas compram esses ingressos em sites falsos. Também falsifica ingressos físicos realmente, no caso de cortesias e vouchers também. E esse golpe, no caso em questão de hoje, a Justiça imobilizou R$ 300 mil da conta dela” - afirmou.

Na denúncia de Lívia, ela deveria entregar 26 ingressos para dias diversos do evento. As vendas aconteceram por um aplicativo de trocas de mensagens.

Foto Destaque: Léo Moura e Lívia Moura. Reprodução: Twitter.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo