Notícias

Leandro Lo será velado e sepultado nesta segunda-feira, em SP

Campeão mundial de jiu-jítsu foi baleado na cabeça após briga em show do grupo Pixote, na Zona Sul de São Paulo, na madrugada deste domingo; PM suspeito da autoria do crime recebeu 30 dias de prisão temporária

3 min de leitura
08 Ago 2022 - 09h35 | Atualizado em 08 Ago 2022 - 09h35

O corpo do lutador multicampeão de jiu-jítsu Leandro Pereira do Nascimento Lo será velado e sepultado na tarde desta segunda-feira (8), no cemitério do Morumbi, na Zona Sul de São Paulo.

Aos 33 anos, o atleta paulista somava oito títulos de campeão mundial de jiu-jítsu em cinco categorias diferentes, oito títulos pan-americanos, além de conquistas na Copa do Mundo, no Campeonato Brasileiro, entre outros. Lo disputaria mais um campeonato na próxima sexta-feira (12), em Austin, nos Estados Unidos.

Leandro Lo foi morto com um tiro na cabeça após uma briga durante um show de pagode do grupo Pixote no Clube Sírio, no bairro de Indianópolis, Zona Sul de São Paulo, na madrugada de domingo (7). O suspeito da autoria do crime é o tenente da Polícia Militar de São Paulo Henrique Otávio de Oliveira Veloso, de 30 anos.


O lutador Leandro Lo e o policial militar acusado de atirar no atleta, Henrique Otávio Oliveira Velozo. — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Atleta Leandro Lo e o policial militar Henrique Veloso (Foto: Reprodução/redes sociais/g1)


Segundo testemunhas, o crime aconteceu quando o PM Henrique Veloso se aproximou da mesa em que Leandro estava com mais quatro amigos e pegou uma das bebidas deles. A partir de então começou uma briga entre os dois e Leandro chegou a imobilizar o PM no chão, até que outras pessoas ao redor interromperam a briga. Foi nesse momento que, supostamente, Henrique Veloso teria sacado a arma, atirado na cabeça de Lo e fugido.

Um médico que estava no show socorreu o atleta, fez manobras de reanimação e acompanhou o lutador até um hospital na Zona Sul de São Paulo. O advogado da família do atleta confirmou a morte cerebral.

Segundo confirmou a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, Henrique Veloso se apresentou à Corregedoria da PM, na tarde do mesmo dia e teve prisão decretada por 30 dias, podendo ser prorrogada por mais 30 dias – se houver nova solicitação do delegado responsável pelo caso.

O PM deve passar por uma audiência de custódia ainda nesta segunda-feira.

 

Foto Destaque: Campeão mundial Leandro Lo será velado e sepultado nesta segunda-feira, em SP. Reprodução/emtempo

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo