Notícias

'Isso é imperdoável', diz vereador após sofrer ataques raciais

Depois de "criticar" prefeitura de Engenheiro Beltrão, o vereador Luiz Tavares Rosa começou a receber diversos ataques raciais. A Polícia começou a investigar o caso e já foi identificado treze suspeitos

3 min de leitura
23 Fev 2022 - 10h52 | Atualizado em 23 Fev 2022 - 10h52

Recentemente, após questionar a prefeitura por irregularidades na contratação de pessoal, o vereador Luiz Tavares Rosa (MDB) vem sofrendo diversos ataques racistas.  

Desde então a Polícia Civil vem investigando o caso e de acordo com eles, os ataques vieram de um aplicativo de mensagens, onde se tem moradores e funcionários da Prefeitura de Engenheiro Beltrão, ao norte do Paraná. A Polícia já conseguiu identificar treze autores, acusados de crimes de injúria, injúria racial, difamação, calúnia e incitação à prática de crimes. 

Nas mensagens trocadas no aplicativo, era possível ler: “Parece que é o Luizinho da Zefa, né? Não sei que que está fazendo barulho de novo. Cara, tinha que pegar esse preto aí e dar um jeito nele, entendeu?” 

Em outra mensagem, o grupo falava: “Tem que cochar, tem que pegar esse nego. Vocês que estão sendo prejudicados. Tem que juntar essas 70 pessoas e ir na casa dele, onde tiver, mas dar um couro, quebrar ele. Largar ele quebrado pendurado na Santa Casa de Campo Mourão.” 


Vereador Luiz Tavares se diz chateado com ataques (Foto: Reprodução/Honório Silva/G1)


O delegado Wagner Quintão dos Santos, contou que o vereador tentou ignorar os ataques. Mas como os mesmos foram aumentando, a família dele o convenceu a denunciar na delegacia da cidade.  

Já o vereador contou que se sente chateado com os ataques e que isso não pode acontecer: “Se eu tivesse levado uma surra na rua, não dói tanto de ouvir um cara dizer: ‘tem que colocar esse negro lá na Santa Casa e pegar setenta pessoas e acochar ele no pau’. Essa discriminação, de uma vez por todas, isso não pode acontecer no nosso Brasil de jeito nenhum. Isso não pode. É imperdoável.” 

Por fim, Luiz Tavares Rosa disse que atribui esses ataques racistas ao prefeito Aldamir José Garbim Junior (PSL), já que ele havia criticado a postura do prefeito. “Ele criou um clamor contra a minha pessoa [por causa das demissões]. Então eu atribuo sim, com toda certeza, [os ataques] ao prefeito do município de Engenheiro Beltrão.” 

 

Foto Destaque: Vereador Luiz Tavares Rosa. Reprodução/Instagram

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo