Cinema/TV

Hércules terá pegada "TikTok" em seu live-action

Os produtores da adaptação live-action Joe e Anthony Russo afirmaram a necessidade de uma reformulação de um musical mais moderno, visto a crescente crítica das adaptações da Disney seguirem ao "pé da letra" as animações

3 min de leitura
03 Nov 2022 - 12h20 | Atualizado em 03 Nov 2022 - 12h20

Em entrevista à Variety, os diretores Anthony e Joe Russo, diretores amplamente conhecidos por dirigir grandes filmes da Marvel - tais como "Vingadores: Guerra Infinita" e "Vingadores: Ultimato" -, revelaram que o live-action que estão produzindo de Hércules para a Disney será fora do convencional, aderindo um estilo de tom abrangente para a nova geração. Os Irmãos Russo afirmaram que o "TikTok" possui um poder de alcançe impressionante e que acrescentarão este modelo para a nova reformulação de Hércules como um experimento. Estima-se que, mensalmente, a rede social tenha mais de 800 milhões de usuários ativos.

"Há perguntas sobre como você traduz isso como um musical. […] O público de hoje foi treinado pelo TikTok, certo? Qual é a expectativa deles sobre como esse musical se parece e se sente? Isso pode ser muito divertido e nos ajudar a ultrapassar um pouco os limites de como você executa um musical moderno", disse Joe Russo à Variety.

Embora audacioso, a importância da inserção de um novo modelo narrativo que se desvincule da obra original é muito clamada pelos fãs da Disney, uma vez que recentes adpatações live-action de famosas animações do estúdio, como "Aladdin" (2019), "A Bela e a Fera" (2017), "Rei Leão" (2019) e "Pinóquio" (2022); sofreram críticas, em sua maioria, por seguirem ao pé da letra o material antigo. Levando em conta que as animações foram exibidas há muito tempo, consequentemente o gosto e a maneira de pensar à época já não são mais difundidos, trazer uma nova vertente parece agradar os executivos da Disney, é o que novamente relata Joe em sua entrevista ao portal Variety.

" [O remake será] um pouco mais experimental no tom e na execução. Acho que eles [a Disney] estão animados para ver o que todos nós podemos trazer de uma forma que não seja apenas uma reinterpretação do filme de animação e Guy [Ritche] é perfeito para isso porque tem propensão à experimentação. Acho que vamos fazer uma coisa que tem o mesmo sentimento do original, que é inspirado nele, mas trazer alguns elementos novos.”, afirma Joe Russo.


Joe e Anthony Russo à Variety. (Foto: Reprodução/ Variety)


A confirmação do novo estilo de musical no live-action Hércules vem em um mesmo período de uma fala polêmica do CEO da Disney Bob Chapek, que disse com todas as letras, ao The Walt Street Journal, que o público adulto do estúdio não consome animações e conteúdos mais voltados ao nicho infanto-juvenil, e que a empresa deveria ouvir mais seus assinantes.

O live-action de Hércules ainda não possui uma data definida de estreia, nem se a produção será destinada aos cinemas ou direto para a plataforma de streaming Disney Plus, como foi o caso de "Pinóquio", de Robert Zemeckis, estrelado por Tom Hanks. 

Joe e Anthony Russo estão produzindo executivamente o filme, por meio da produtora autoral dos cineastas, a  AGBO. Guy Ritchie, que dirigiu o filme live-action de "Aladdin", estrelado por Will Smith, estará novamente na direção na adaptação do herói semideus grego. Dave Callaham (Mercenários) escreveu o primeiro esboço do roteiro, mas o estúdio está à procura de um novo nome para enriquecer ainda mais. Dave ainda deve permanecer na escrita, ocupando a função de roteirista-chefe.


Cena da animação da Disney "Hércules". (Foto: Reprodução/ Walt Disney Company)


O conto da década de 90, liderado por John Musker e Ron Clements, mesmos responsáveis da animação "A Pequena Sereia", reimagina o papel de Hércules, importante semideus filho de Zeus na mitologia grega. Na animação, Hércules se torna uma celebridade por ser um guerreiro e por seus atos heróicos à nação, e terá que enfrentar o maior inimigo que combateu: Hades, o Deus do Submundo e dos Mortos.

A produtora AGBO dos Irmãos Russo é uma das mais ativas de Hollywood: fora Hércules, a empresa está produzindo grandes títulos para as maiores plataformas de streaming do mundo, incluindo a Netflix - com "Agente Oculto" e a ficção científica "The Electric State", que já possui Millie Bobby Brown (Stranger Things), Giancarlo Esposito (Better Call Saul) e Chris Pratt (Guardiões da Galáxia) no elenco - e a Amazon Prime Video - desenvolvendo o thriller de espionagem "Citadel" com Priyanka Chopra Jonas (Quântico) e Richard Madden (Eternos), e uma série de Butch e Sundance tendo Regé-Jean Page (Bridgerton) e Glen Powell (Top Gun: Maverick) na pele dos bandidos titulares.

 

Foto Destaque: Hércules. Reprodução/Disneyscreencaps.com

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo