Gisele Bündchen relembra ataques de pânico na juventude no Dia Mundial da Saúde Mental

Publicado 10 de Oct de 2020 às 13:35

Hoje, dia 10 de outubro, é o Dia Mundial da Saúde Mental. E o momento que estamos vivendo, há meses, onde tivemos que nos adaptar às novas rotinas e restrições, é de extrema importância falar sobre o cuidado da saúde mental. Principalmente porque os números de casos de ansiedade e depressão têm aumentado significativamente nesse período de isolamento social. 

A fim de dividir um pouco da sua experiência com seus seguidores e conscientizá-los, a modelo Gisele Bündchen compartilhou no seu Instagram como conseguiu superar os seus ataques de pânico que tinha quando era mais nova. 

Leia mais: Mãe de Lexa relembra tempos difíceis

"Sei, agora, por experiência própria, que os maiores desafios que enfrentamos são muitas vezes nossas maiores oportunidades de crescimento. Sim, podemos nos sentir sozinhos e sobrecarregados quando estamos no meio da tormenta, mas nada é permanente, e se fizermos o trabalho que nos cabe, podemos sair do outro lado mais fortes do que nunca. Isso é algo que eu desejo a todos.", falou Gisele


Gisele conta um pouco sobre como superou os ataques de pânico. (Foto: Reprodução/Instagram/@gisele)


Para completar, Gisele ainda compartilhou nas suas fotos, dicas que podem ajudar as pessoas a lidar com as crises de pânico. "Hoje, no Dia Mundial da Saúde Mental, quero compartilhar algumas das ferramentas que me ajudaram a superar meus ataques de pânico e deram um novo sentido à minha vida, na esperança de que possam ajudar qualquer pessoa que passe por desafios semelhantes. As pequenas mudanças que fazemos hoje podem ter um impacto direto em nossos dias, semanas, meses e fazer a maior diferença em nossas vidas. Lembre-se sempre: seja gentil consigo mesmo.".


Dicas que Gisele compartilhou em seu Instagram, para ajudar as pessoas a lidarem com os ataques de pânico. (Foto: Reprodução/Instagram)


"Meditar, respirar e substituir hábitos ruins por hábitos mais saudáveis foram algumas das ferramentas que acompanharam este renascimento", Gisele fala sobre a meditação em sua vida. 

Lembrem-se que nesse momento, o primeiro passo tem que ser dado por vocês, e assumirem que precisam de ajuda. E depois pedir ajuda a quem você confia e ir ao médico especializado. Afinal, cuidar de si mesmo é a maior prova de amor próprio. Seja forte, você nunca estará só!

 

(Imagem destaque: Gisele fala sobre ataques de pânico no dia nacional da saúde mental. Reprodução/Instagram)

Deixe um comentário