Money

Gigantes bancos americanos podem sofrer multa bilionária por conta do WhatsApp

Bancos norte-americanos poderão ter que pagar coletivamente uma multa bilionária aplicada pelo uso indevido de aplicativos como WhatsApp e ferramentas como o email.

3 min de leitura
22 Ago 2022 - 22h05 | Atualizado em 22 Ago 2022 - 22h05

JPMorgan Chase & Co e Bank of America, dois dos bancos mais poderosos dos Estados Unidos, estão enfrentando juntos, multas regulatórias que ultrapassam o valor de US$ 1 bilhão para funcionários que usarem ferramentas de mensagens não autorizadas, como email e WhatsApp, segundo a agência de notícias Reuters. Porém eles não estão sozinhos.


Bank of America foi um dos bancos punidos. (Foto: Reprodução/ Twitter)


A SEC, sigla para Securities and Exchange Commission, dos Estados Unidos, começou no ano passado a investigar a manutenção de registros dos bancos ligados ao uso de dispositivos pessoais pelos bancos, e a Commodity Futures Trading Commission (CFTC) também apoiou a esse movimento, de acordo com as instituições.

O Bank of America chegou a destinar cerca de 200 milhões de dólares para as questões ligadas a mensagens eletrônicas sem autorização. O banco americano comunicou no mês de julho que estava negociando com os órgãos envolvidos. Vale lembrar, que esses aplicativos como WhatsApp, não podem ser usados para os negócios das corretoras. Mas a pandemia complicou a detecção dessas práticas, que aumentaram nesse período.


Bancos punidos por mau uso do WhatsApp. (Foto: Reprodução/ Twitter)


A corretora de JP Morgan foi multada em 200 milhões de dólares, admitindo que violou as leis de valores mobiliários. A punição veio da SEC e pela CFTC, devidos as falhas generalizadas na preservação das comunicações da equipe em dispositivos móveis pessoais. O Morgan Stanley, Barclays, Credit Suisse e o próprio Bank of America vão arcar com o valor igual da multa.

Os bancos Citi e Goldman Sacchs ainda estão no estágio de discussão com as instituições. O Deutsche Bank anunciou em julho reservou cerca de € 165 milhões em provisões adicionais para uma possível multa regulatória. A aplicação foi uma das grandes ações de fiscalização tomadas pelo chefe da SEC, Gary Gensler. A empresa de serviços financeiros suiça, UBS AG, informou que os reguladores dos Estados Unidos estão conduzindo investigações sobre o banco.

Foto destaque: Bancos punidos por conta do WhatsApp. Reprodução/ Twitter.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo