Tech

Entrega via drones:conheça as empresas que estão fazendo testes na América Latina

Grandes empresas estão fazendo testes de entregas via drones. Confira aqui quem são essas grandes marcas investidoras que visam o mercado da América Latina.

3 min de leitura
10 Jan 2022 - 10h00 | Atualizado em 10 Jan 2022 - 10h00

Já faz alguns anos que várias empresas estão testando as entregas via drone e robôs autônomos em suas encomendas. No final do ano passado, 2021, o iFood fez testes com drones em suas entregas e parece estar bem otimista com o resultado.

A Amazon, também não ficou de fora, nos Estados Unidos, a empresa já usa robôs e drones em seus procedimentos não só de entregas, mas também de logística interna. No ano de 2021, a Amazon foi responsável por comprar a startup Kiva Systems, especializada em robótica, depois da aquisição, a tropa de máquinas foi expandida até 500 mil.

No Brasil, as maiores startups de robótica são a Synkar, focada em robôs autônomos, e a SpeedBird, esta dedicada para drones.

Confira a seguir, a lista das empresas que estão investindo nas entregas via drones na América Latina, segundo a Forbes.


Foto: Drone Quadcopter Preto Em Campo De Grama Verde (Reprodução/Jeshoots.com)


A primeira da lista é a empresa Rappi em uma parceria com KiwiBot, que tem investido na Colômbia, seu país de origem, na cidade de Medelín, as primeiras entregas feitas por minirrobôs. Atualmente, eles já contam com uma frota de 15 máquinas e pretendem expandi-la. Seu principal objetivo no momento é levar o serviço para outras regiões.

Depois temos a famosa iFood, que além do uso dos drones, está em teste o robô Ada, produzido pela parceria com a Synkar, capaz de carregar 30 kg, e com bateria para 12 horas de duração. A máquina está sendo testada em um Shopping em São Paulo.

Outra empresa que se uniu com o iFood para desenvolver essa tecnologia foi o McDonald 's, em Aracaju, a franquia está testando a entrega de seus lanches via drones.

Na mesma estratégia do McDonald 's, temos a rede de restaurantes nacional Madero, sendo uma das primeiras a comprarem a lista de fast-food via drones. Os testes também estão sendo feitos em Aracaju.

A B2W também não ficou de fora, mesmo sendo uma empresa de varejo, dona das marcas Submarino, Amaricanas.com e Shoptime, anda testando transporte de pacotes do centro de distribuição até as lojas.

Foto em destaque: imagem de um drone (Reprodução/Darrel Und)

LEIA MAIS

Deixe um comentário