Notícias

Enigma: O maior diamante negro lapidado do mundo é leiloado por R$ 22 milhões

Discussões sobre a origem extraterrestre da pedra surgem porque os diamantes carbonados, como o "O Enigma", costumam ser encontrados apenas na superfície do planeta, não em seu subsolo

3 min de leitura
12 Fev 2022 - 18h35 | Atualizado em 12 Fev 2022 - 18h35

O maior diamante negro lapidado do mundo, batizado de "O Enigma", foi leiloado por R$ 22,3 milhões, com criptomoedas em Londres na quarta-feira (9).

Especialistas acreditam que a pedra tenha sida formada durante a colisão de meteoritos com a Terra

Discussões sobre a origem extraterrestre do cristal surgem porque os diamantes carbonados, como o "O Enigma", costumam ser encontrados apenas na superfície do planeta, não em seu subsolo, como é o caso de outros minerais.

"É muito diferente", disse Sophie sobre a peça rara, registrada no livro Guinness como o maior diamante lapidado do mundo.

Outra pista da origem fora da Terra é a presença de Osbornite, mineral encontrado em meteoritos. De acordo com a especialista em joias da casa de leilões Sotheby's, Sophie Stevens, o raro diamante de carbono deve ter sido formado por um impacto de meteorito há mais de 2,6 bilhões de anos.

O primeiro dono do diamante, que preferiu se manter anônimo, optou por não exibir a joia durante 20 anos. Com 555,55 quilates e 55 faces, o diamante é difícil de ser lapidado, devido à sua resistência, que é composta por inúmeros pequenos diamantes, grafite e carbono. Seu formato foi inspirado no símbolo de poder e proteção do Oriente Médio, o Hamsa, famosa forma mão com cinco dedos estendidos que também está ligada ao número cinco.

 

No ano passado, o raríssimo diamante Key 10138 foi vendido em Hong Kong pelo equivalente a 12,3 milhões de dólares em criptomoedas



 Key 10138 (Vídeo: Reprodução Youtube)


 O Key 10138 pesa 101,38 quilates e foi classificado pela GIA como D Color, Flawless e Type IIa. Há apenas um pequeno número de diamantes facetados que pesam mais de 100 quilates ao longo da história e é mais raro encontrar um diamante com cor e clareza perfeitas. Os diamantes do tipo IIa são muito raros, pois não contêm nitrogênio ou impurezas de boro detectáveis ​​por infravermelho em sua estrutura química e representam menos de 2% de todos os diamantes extraídos. Considerados os diamantes quimicamente mais puros, tendem a apresentar uma transparência excepcional.

Foto Destaque: Enigma,  maior diamante negro lapidado do mundo / Reprodução: G1

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo