Notícias

Embaixadora dos EUA pede que Brasil veja lado ucraniano no conflito contra a Rússia

A embaixadora dos Estados Unidos da Organização das Nações Unidas (ONU) solicita que o Brasil compreenda a perspectiva da Ucrânia no conflito contra a Rússia.

3 min de leitura
04 Mai 2023 - 21h31 | Atualizado em 04 Mai 2023 - 21h31

Segundo reportagem da Reuters, a embaixadora dos Estados Unidos na Organização das Nações Unidas (ONU), Linda Thomas-Greenfield, pediu que o Brasil inclua a Ucrânia em qualquer iniciativa para negociar o fim  da "guerra de agressão da Russia”.

A declaração foi feita ao final da visita da embaixadora ao país. Thomas-Greenfield também expressou o desapontamento dos EUA com as declarações do presidente Lula, que pediu ao Ocidente que pare de armar a Ucrânia para permitir o início das negociações de paz. 

"Não estamos dizendo ao Brasil para não se engajar na paz", disse o embaixador em entrevista coletiva."Dissemos que qualquer engajamento deve levar a Ucrânia em consideração e não pode ser uma negociação baseada em recompensar a Rússia por tomar território durante sua guerra não provocada contra a Ucrânia", disse ela.

Thomas-Greenfield disse que incentivou autoridades brasileiras a visitar a Ucrânia e confirmou que o assessor de política externa de Lula, Celso Amorim, planeja viajar para Kiev, mas não deu uma data. "Meu palpite é em breve", disse ela a repórteres.


Linda Thomas Greenfield (Foto: Reprodução/Poder360)


Combater as mudanças climáticas, defender a democracia e promover a igualdade e a inclusão racial foram os temas de sua agenda de conversas com autoridades brasileiras durante a visita de três dias, que incluiu uma visita a El Salvador, que ela chamou de "o coração do Brasil negro". Dois no Hemisfério Ocidental As relações entre as maiores democracias são "duradouras e baseadas em valores compartilhados".

Lula posteriormente esclareceu que condenou a invasão russa, mas a Casa Branca o acusou de "espalhar propaganda russa e chinesa", recebendo elogios do chanceler russo, Sergei Lavrov, que recentemente visitou o Brasil. Uma autoridade dos EUA disse que Thomas-Greenfield iria "consultar" o Brasil sobre a guerra na Ucrânia.

O responsável, que não quis ser identificado, disse que a posição americana é que um grupo de países que inclui o Brasil pode ter um papel positivo na tentativa de acabar com a guerra, mas é preciso garantir que a paz seja justa e duradoura. E que sejam respeitados os princípios da soberania e da integridade territorial.

Os EUA também estão pedindo ao Brasil a extradição do suposto espião russo Sergei Cherkasov, que supostamente se fez passar por um estudante brasileiro em Washington e coletou informações sobre a Ucrânia.

 

Foto destaque: Embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Linda Thomas-Greenfield. Reprodução/Brendan McDermid/Reuters

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo