Esportes

Em jejum de gols, Gabigol vive momento delicado e vem recebendo críticas dos torcedores

Gabriel vem sofrendo com a falta de gols e vem preocupando os torcedores rubro-negros. Sem os seus companheiros Bruno Henrique e Arrascaeta, o atacante produziu pouco nos últimos jogos.

3 min de leitura
22 Out 2021 - 15h02 | Atulizado em 22 Out 2021 - 15h02

O atacante Gabriel Barbosa está a 7 jogos sem balançar as redes, é o seu maior jejum de gols desde que chegou ao clube carioca, em 2019. E com isso, as critícas está vindo à tona. Muitos torcedores alegam que o atacante está mudando o seu jeito de jogar para agradar o técnico da seleção brasileira, Tite. Gabigol tem se posicionado mais fora da área, diversas vezes ele busca a bola até mesmo no meio campo, ficando bem distante de sua posição original. Na seleção brasileira ele tem atuado mais dessa forma, e até então, adotou essa prático no Flamengo, resultando na seca de gols.


Gabigol vem sofrendo com a seca de gols e já se sente incomodado. (Foto: Divulgação/Getty Images)


No empate contra o Athlético Paranaense, na última quarta-feira (20), Gabigol deixou o campo lesionado, na metade do segundo tempo, dando vaga ao Pedro que fez o gol do empate no último minuto. Aliás, Pedro vem dando conta do recado quando é acionado. E tem torcedores que pedem a sua titularidade. A tendência é que o Pedro seja o titular no próximo jogo contra o Fluminense, já que o Gabriel está entregue ao departamento médico.

Na coletiva de imprensa, o treinador Renato Gaúcho falou sobre a seca de gols de seu atacante e disse que é normal, e que ele vem ajudado a equipe independente disso.


https://lorena.r7.com/post/Torcida-do-Vasco-bate-meta-de-R190-mil-para-estatua-de-Roberto-Dinamite

https://lorena.r7.com/post/CBF-autoriza-torcida-visitante-nos-estadios

https://lorena.r7.com/post/Vasco-tem-novo-patrocinador-master-ate-o-final-de-2022


"Eu não conheço um jogador do mundo que não fique alguns jogos sem marcar. Há um tempo, também estavam cobrando do Pedro, eu falei: ‘Pedro, relaxa. Daqui a pouco a bola vai entrar’, e ele voltou a fazer gols. A mesma coisa é com o Gabriel, o importante é a entrega, vem nos ajudando. Quando se enfrenta uma equipe com três zagueiros, se ele ficar parado, não vai encostar na bola. Muitas vezes ele fica mais longe do gol, mas tem aberto espaços para os companheiros", disse Renato Gaúcho.

O Flamengo agora se prepara pra pegar o Fluminense nessa sabádo (23), às 19h no Maracanã. Partida muito importante para se manter vivo na disputa do título do campeonato brasileiro.

Foto destaque: Gabigol. Imagem: Alexandre Vidal/Flamengo

Deixe um comentário