Saúde

Doses Pfizer para crianças chegará ao Brasil na próxima semana

Vacinação para a faixa etária entre 5 e 11 anos é inclusa no Plano Nacional de Imunização (PNI) e as primeiras doses da Pfizer chegarão ao Brasil esta semana.

3 min de leitura
10 Jan 2022 - 10h51 | Atualizado em 10 Jan 2022 - 10h51

Início de 2022 apresenta novas expectativas para o quadro de vacinação. Para os próximos dias, está prevista a chegada do primeiro lote de vacinas pediátricas da Pfizer, autorizando os estados a aplicarem a vacina em crianças entre 5 a 11 anos. Irão chegar 3,74 milhões de doses ao Brasil em janeiro, e, cerca de 1,25 milhão, chegará no voo previsto para esta quinta-feira (13). A previsão para a chegada dos próximos lotes está entre os dias 20 e 27 de janeiro.

Para essa primeira etapa da vacinação às crianças, faltarão vacinas, já que a população dessa faixa etária é de 20 milhões, e, para completar a vacinação com as duas doses, serão necessárias 40 milhões de doses.

A data para início da aplicação da vacinação ainda não foi oficializada pelo Ministério da Saúde, porém, de acordo com a informação oficial, as doses serão aplicadas no dia seguinte à chegada ao Brasil. De acordo com o governo, é possível vacinar com a primeira dose a população de 4,5 milhões de crianças habitantes de São Paulo durante três semanas, caso haja vacina.

A dose comprada é específica para as crianças, contendo um terço dos insumos, e, como apontado por um estudo, a eficácia é de 90,7% contra casos sintomáticos.


Vacina da Pfizer destinadas ao público infantil (Foto: Reprodução/Pfizer)


Em 16 dezembro de 2021 a Anvisa liberou a vacinação para crianças de 5 a 11 anos, porém, a faixa etária só foi inclusa no Plano Nacional de Imunização (PNI) na primeira semana de janeiro.

Seguindo a preocupação de contaminação na população infantil, a Anvisa analisa o uso da Coronavac em crianças a partir de 3 anos de idade. Após os dados entregues pelo Instituo Butantan, as reuniões com a fabricante chinesa Sinovac e organizações pediátricas do Chile, onde a vacina já está sendo aplicada em crianças de 3 anos, a Anvisa relatou um avanço no quadro para a vacinação.

 

Foto destaque: Vacinação em crianças no Chile. Reprodução/Rodrigo Garrido.

LEIA MAIS

Deixe um comentário