Saúde

Covid longa pode prejudicar desempenho sexual

Novo estudo identifica sintomas como redução da libido e dificuldade de ejaculação no período após os indivíduo contrair covid-19 prejudicando a vida sexual do afetado

3 min de leitura
26 Jul 2022 - 21h55 | Atualizado em 26 Jul 2022 - 21h55

De acordo com a OMS - Organização Mundial da Saúde - a covid longa, também conhecida como condição pós covid compreende o conjunto de sintomas que ocorrem até três meses após a contaminação por Covid-19 e são relacionados ao vírus.

Os sintomas anteriormente conhecidos da Covid longa eram perda de memória, redução da força, problemas psicológicos, ansiedade, depressão, problemas renais, hipertensão, estresse pós-traumático e até diabetes.

No entanto, um novo estudo realizado pela Universidade de Birmighan no Reino Unido e publicado essa semana, na segunda-feira (25/7), as sequelas podem ir além das já conhecidas, podendo afetar inclusive o desempenho sexual do indivíduo, ocasionando dificuldades de ejaculação e perda de libido.

O estudo constatou, através da análise de cerca de 2,4 milhões de registros de saúde anônimos realizados entre janeiro de 2020 e abril de 2021, que há 60 sintomas mais recorrentes na condição, dentre eles, os cinco mais relatados são perda de olfato, queda de cabelo, espirros, dificuldades na ejaculação e redução da libido.


(Covid longa é responsável por falta de libido e problemas de ejaculação) Foto: Divulgação/UFSM


O levantamento ainda conseguiu identificar os grupos de risco que mais apresentam sintomas durante a covid longa, sendo eles mulheres jovens, pessoas com comorbidades, pessoas com baixo nível socioeconômico e algumas minorias étnicas.

Não se sabe exatamente como a condição ocorre, mas especialistas suspeitam que o quadro resulta de inflamações causadas pelo vírus da Covid-19 devido à sua capacidade de atingir diversos órgãos e áreas do corpo, podendo ocasionar mais facilmente sintomas bastante distintos entre si mas com a mesma relação de causalidade.

A principal recomendação para reduzir os sintomas gerados pela covid longa é a vacinação, pois uma pessoa vacinada mesmo que seja infectada pelo vírus é menos afetada pelas condições que o seguem, pois o imunizante evita o desenvolvimento de formas graves da doença, evitando assim sintomas após a contaminação com o vírus.

 

Foto Destaque: Covid longa causa disfunções sexuais. Fonte: Eu sem Fronteiras.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo