Money

Conheça a startup que propõe separar alimentos da natureza

A Nextfood, uma startup de agricultura vertical, propõe separar alimentos da natureza, ou seja, não extrair os recursos naturais. Ela utiliza tecnologia intensiva e aposta em fazendas agrícolas verticais em escala.

3 min de leitura
10 Nov 2022 - 20h25 | Atualizado em 10 Nov 2022 - 20h25

Permitindo uma cadeia de fornecimento de alimentos totalmente nova, como da fazenda à mesa e do pedido à entrega e fatura, o mercado global da agricultura vertical foi avaliado em R $18 bilhões, na cotação atual, em 2021. Estima-se que em 2022 deve atingir R $21,6 bilhões e crescer para R $108,4 bilhões em faturamento até 2029.

O fundador e CEO da Nextfood,  Rasmus Bjerngaard, afirma que a fazenda vertical sediada em Copenhague, Dinamarca, é eficiente e isolada nesta nova cadeia de abastecimento alimentar, além de estar dissociada com a natureza, ou seja, não extrai recursos naturais. Segundo ele, não há contaminação da água e nem pesticidas, esgotamento do solo, pouco uso de água e não há comprometimento da biosfera ou poluição da natureza.

Bjerngaard, sobre isso, diz: “Quando a humanidade era menor, a natureza tinha tempo para se regenerar de nossa extração e poluição. Agora que a humanidade tem mais de sete bilhões de pessoas e nossos métodos agrícolas se intensificaram, a natureza não consegue mais nos sustentar como antigamente.”


NextFood (Reprodução/Twitter)


Segundo ele, há duas maneiras de resolver o problema de ter espaço suficiente para cultivar alimentos e preservar a natureza. A primeira abordagem é desacoplar natureza e comida integrando a produção de alimentação em conjunto com a natureza, como uma produção regenerativa de alimentos. A segunda, envolve a dissociação entre os produtos de alimentos da natureza, o que já está começando a ser praticado, como “carne” sem vaca, fermentação de precisão e agricultura indoor, o que a agricultura vertical propõe.

O equilíbrio natural é colocado em primeiro plano, cada um com suas maneiras, contrariando a extração do atual sistema alimentar e a poluição dos recursos naturais. A Nextfood é uma startup de agricultura vertical que utiliza tecnologia intensiva e aposta em fazendas agrícolas verticais em escala.

Bjerngaard diz duas IA, inteligência artificial, para detectar anomalias, coleta de dados de milhares de pontos diariamente, e gerenciar as tarefas como entrega e faturamento.

 A Nextfood, uma startup de agricultura vertical, propõe separar alimentos da natureza, ou seja, não extrair os recursos naturais. Ela utiliza tecnologia intensiva e aposta em fazendas agrícolas verticais em escala.

 

 

Foto Destaque: NextFood. Reprodução/Instagram

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo