Notícias

Carta de defesa a democracia é lançada oficialmente e alcança mais de 1 milhão de assinaturas

Promovida pela Faculdade de Direito da USP, a carta em defesa da democracia e do processo eleitoral brasileiro compila diversas denuncias de discursos antidemocráticos e de ataques ao sistema eleitoral.

3 min de leitura
12 Ago 2022 - 10h30 | Atualizado em 12 Ago 2022 - 10h30

Nesta última quinta-feira, dia 11, a Carta às Brasileiras e aos Brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito, divulgada pela Faculdade de Direito da USP, ultrapassou a marca de 1 milhão de assinaturas. O documento foi aberto para assinaturas no dia 26 de julho e já conta com a assinatura de diversas autoridades, artistas, empresários e outros grupos.

A carta foi lançada oficialmente no último dia 11, durante um evento que aconteceu no Largo São Francisco, em São Paulo, onde a carta foi lida para milhares de pessoas que estavam no local em favor da democracia. O evento contou com a participação de representantes  de diversos movimentos sociais e políticos.

A data do lançamento do texto foi escolhida por marcar a criação do curso de direito no país, e o local foi o mesmo onde foi lida a denúncia da Ditadura Militar, em 1977, mostrando todas as atrocidades desse período.


Carta às Brasileiras e aos Brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito. (Foto: Reprodução/Faculda de Direito USP)


Durante a leitura do documento, sem citar nomes, foram denunciados os ataques ao sistema eleitoral, mais especificamente as urnas eletrônicas, e as ameaças à democracia que vem ocorrendo nos últimos tempos. Isso faz referência às falas do presidente Jair Bolsonaro, que questiona as urnas eletrônicas e que fez ameaças de ruptura democrática diversas vezes.

Essa carta está sendo apoiada por muitas figuras importantes como ex-presidentes, ex-Ministros do STF, oito candidatos à presidência e inúmeros atletas e artistas. A escritora Djamila Ribeiro e a atriz e imortal Fernanda Montenegro, assinaram e apoiaram o texto. A página do documento apresenta um levantamento das profissões que assinaram:

  • 519 delegados de polícia
  • 727 porteiros
  • 4.217 motoristas
  • 4.231 magistrados
  • 5.045 enfermeiros
  • 6.619 policiais
  • 8.973 desempregados
  • 15 mil médicos
  • 28.868 engenheiros

As pessoas interessadas em assinar a carta podem acessar através dos sites da Faculdade de Direito da USP, da Associação do Ministério Público, Associação de Juízes Federais e do Grupo Prerrogativas.

Foto Destaque: Multidão no Largo São francisco durante a leitura da carta. Reprodução/Tiago Queiroz/Estadão Conteúdo

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo