Esportes

CBF confirma a realização da Copa Verde no ano de 2022

A CBF confirmou a realização da Copa Verde . A competição regional para clubes da Região Norte, Centro Oeste e Espírito Santo será realizada ainda no ano de 2022

3 min de leitura
24 Ago 2022 - 11h50 | Atualizado em 24 Ago 2022 - 11h50

A CBF confirmou a realização da Copa Verde ainda este ano. A competição regional que envolve as equipes da região norte, centro-oeste e espírito santo foi confirmada por meio de uma reunião realizada nesta terça-feira (23) na sede da CBF, no Rio de Janeiro. A expectativa é que até sexta-feira (26), sejam definidas as datas dos confrontos.


Atual campeão Remo, comemora o título de 2021. Foto reprodução / Cassio Zipoli


A Copa Verde nasceu em 2014 com o propósito de ser um torneio regional, como a Copa do Nordeste. A princípio a competição era apenas para times da Região Norte. Porém, logo foi decidido ampliar o torneio para os clubes das regiões Centro-oeste e do Espírito Santo. A competição além do título regional, dá vaga para a terceira fase da Copa do Brasil do ano seguinte.

 

Todas as edições:

2014: No ano de estreia da competição, o campeão foi o Brasília. A decisão foi contra o Paysandu. No confronto de ida o time do Pará venceu por 2 x 1. Porém, no jogo de volta a equipe do Distrito Federal, devolveu o placar de 2 x 1. Nos pênaltis, vitória por 7 x 6, e título inédito para o Brasília.

2015: Na segunda edição, o campeão foi o Cuiabá, que decidiu o título contra o Remo. Na partida de ida disputada no Pará, o Remo venceu por 4 x 1. No jogo de volta, o Cuiabá conseguiu reverter o placar e venceu por 5 x 1 garantindo seu primeiro título do torneio.

2016: No ano seguinte, o Paysandu garantiu o primeiro troféu para o estado do Pará. Na decisão contra o Gama, na partida de ida, o Papão venceu por 2 x 0. Na volta, o Gama venceu por 2 x 1, porém o título ficou com o Paysandu.

2017: A quarta edição do torneio ficou marcada pelo primeiro título do Luverdense na competição. A decisão do torneio foi contra o até então campeão Paysandu. Na partida de ida, vitória do Luverdense por 3 x 1, e no confronto de volta empate por 1 x 1.

2018: Na quinta edição do torneio, veio o segundo título do Paysandu. Na decisão contra o Atlético Itapemirim, vitória no primeiro jogo para o time do Pará por 2 x 0. Na volta, empate por 1 x 1 que garantiu o segundo título do Papão.

2019: Na sexta edição do torneio ficou marcado o segundo título do Cuiabá. Na decisão o time enfrentou o Paysandu. O título foi decidido nos pênaltis após vitórias por 1 x 0 de cada lado. Nas penalidades máximas, 5 x 4 para o Cuiabá.

2020: Na sétima edição do torneio, o Brasiliense garantiu o segundo título para o Distrito Federal. Na decisão a equipe venceu nos pênaltis o Remo, após vitórias de 2 x 1 de cada equipe. Nas penalidades máximas, 5 x 4 e primeiro título para o Brasiliense.

2021: Atual campeão, o Remo venceu o torneio nos pênaltis por 4 x 2 após dois empates sem gols contra o Vila Nova de Goiás.  

Foto destaque. Reprodução / Globoesporte

 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo