Cinema/TV

‘Bohemian Rhapsody’: Filme sobre vida e carreira de Freddie Mercury pode ganhar sequência

Bohemian Rhapsody, longa-metragem que conta sobre a vida e carreira de Freddie Mercury pode ganhar uma sequência. A informação foi revelada por Brian May, guitarrista do Queen e um dos produtores do filme.

3 min de leitura
10 Ago 2021 - 18h30 | Atulizado em 10 Ago 2021 - 18h30

"Bohemian Rhapsody", filme ganhador do Oscar, estrelado por Rami Malek, que conta sobre a vida e a carreira do astro Freddie Mercury pode vir a ganhar uma sequência nas telonas. A informação foi revelada por Brian May, guitarrista do Queen, que também foi um dos produtores do longa-metragem.

Jason Momoa fala sobre a polêmica do banho entre astros de Hollywood: ‘Eu sou o Aquaman’

Conheça Mr. Corman | Nova série da Appe Tv+ que conta com Joseph Gordan Levitt

‘House of Gucci’, filme de Ridley Scott ganha seu primeiro trailer oficial e cartazes do elenco


Em uma live em seu Instagram, Brian abriu o jogo ao conversar com seus fãs sobre uma possível continuação do filme, que é muito aguardada e especulada desde de 2018, ano em que foi lançado.

“Estamos vendo isso. Estamos olhando algumas ideias. Será difícil acompanhar o primeiro, já que ninguém esperava o tamanho do sucesso que teria. Colocamos nossa alma e o coração e ninguém poderia prever que seria grande como E o Vento Levou”, contou o guitarrista do Queen. Mas, apesar da possibilidade de uma continuação acontecer, May faz uma ressalva: “Estamos pensando que pode acontecer, mas precisa de um ótimo roteiro. Pode demorar um tempo para resolvermos”.


Banda Queen (Reprodução/Instagram)


O grande impacto por parte dos fãs, além de, claro, “Bohemian Rhapsody” ter sido um longa-metragem de grande sucesso, capaz de arrecadar mais de US$ 870 milhões em todo o mundo e levar quatro estatuetas do Oscar, incluindo Melhor Ator para Rami Malek, vem pela negação feita por Brian May em 2020.

Em entrevista à Rolling Stone no ano passado, o produtor disse que não pensava em uma sequência: “Não pensamos que exista mais algum filme para fazer. Essa é a resposta. Deveríamos olhar em outro lugar. Tivemos outras ideias, mas eu não acho que uma sequência possa acontecer”.

Com “Bohemian Rhapsody”, as novas gerações puderam conhecer um pouco mais sobre quem foi Freddie Mercury, tanto em sua brilhante carreira na banda Queen, quanto em sua vida pessoal. Seus amores, suas desilusões, suas tristezas e suas alegrias. O filme também trouxe aquela nostalgia boa e aquela saudade aos fãs que acompanhavam o artista que se foi tão precocemente, aos 45 anos, em 24 de novembro de 1991, vítima de uma broncopneumonia em decorrência da AIDS.

(Foto destaque: Rami Malek no papel de Freddir Mercury em “Bohemian Rhapsody”. Reprodução/Twitter)

 

Deixe um comentário