Tech

Avião fixado a um foguete possibilitará voos sub orbitais entre dois locais na terra

Empresa chinesa busca possibilitar meios para que as viagens de avião sejam ainda mais rápidas, os testes serão iniciados em 2023 e a primeira viagem com passageiros está planejada para 2025

3 min de leitura
01 Fev 2022 - 20h27 | Atualizado em 01 Fev 2022 - 20h27

A Beijing Lingkong Tianxing Technology Co é uma empresa chinesa que está buscando meios para que as viagens de avião sejam ainda mais rápidas. De acordo com a Space Transportation, o avião fixado a um foguete terá como objetivo possibilitar um rápido transporte entre dois pontos da Terra por meio de viagens sub orbitais.

Estamos desenvolvendo um foguete para transporte ponto a ponto de alta velocidade, com custo mais baixo do que os foguetes que transportam satélites e mais rápido do que as aeronaves tradicionais”, sinaliza um representante da empresa chinesa.

Os primeiros testes da empresa em solo serão iniciados em 2023, com o primeiro voo não tripulado programado para 2024 e o a primeira viagem com passageiros para 2025. O avião será completamente destinado ao transporte de ponto a ponto da Terra em altas velocidades para clientes comerciais. A Space Transportation deseja oferecer voos mais em conta do que os tradicionais, contudo os valores dessas passagens ainda não foram divulgados.


Avião fixado a foguete. (Foto: Reprodução/Casa Vogue)


Os passageiros serão acomodados em segurança dentro do foguete, que parte para a órbita de forma vertical de uma plataforma de lançamento, podendo atingir a velocidade de 4185 km/h, desse modo será possível sair de Londres e chegar a Nova York em aproximadamente 1 hora, por exemplo.

Pode parecer rápido demais, mas os planos já estavam em andamento e não surgiram agora. A Space Transportation divulgou em agosto de 2021 que realizou o levantamento de US$ 46,3 milhões para seus projetos de avião espacial hipersônico e já tem feito uma série de testes em seus veículos o Tianxing I e o Tianxing II.

O 10º teste de voo foi praticado no último dia 23, acompanhado de outro teste em parceria com um laboratório de combustão da Universidade de Tsinghua. Contudo, detalhes das atividades foram pouco divulgados, provavelmente diante da sensibilidade das tecnologias hipersônica

 

Foto destaque: Avião espacial. Reprodução/ Casa Vogue.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo