Saúde e Bem Estar

Abuso psicológico: Entenda o que é e como identificar

O abuso psicológico ocorre quando o agressor faz a vítima questionar-se e se sentir culpada omitindo a verdade, inventando mentiras e manipulando informações.

3 min de leitura
10 Fev 2021 - 15h00 | Atulizado em 10 Fev 2021 - 15h00

O abuso ou violência psicológica acontece em diversos ambientes e traz sérias consequências para as pessoas que as sofrem. Nas últimas semanas esse tema veio a tona com força nas redes sociais por conta do BBB. Os casos de Lucas Penteado, Acrebiano e Karol Conka chamaram a atenção do público e levantou a discussão sobre o assunto. Tivemos relatos de outros casos de famosos que foram acusados de cometerem tais atos e que repercutiram na internet nos últimos meses. Como foi o do Arthur Aguiar e do Nego do Borel. Mas afinal, o que é o abuso psicológico ?

Segundo o site Televita, violência psicológica acontece pela manipulação realizada pelo agressor, que faz a vítima questionar a sua própria sanidade e inteligência, além de distorcer informações, omitir a verdade e inventar mentiras. Também conhecido como Gaslighting, o termo vem de 1938, da peça Gas Light que inspirou o filme "À Meia Luz", em que o marido tenta enlouquecer sua mulher manipulando as luzes de casa (que funcionavam a gás) e então negando que a luz tenha sido alterada quando a sua esposa o contradiz.

Lipoaspiração: Veja os riscos deste procedimento cirúrgico

A vítima enfraquece e perde aos poucos as referências externas de como é estar num relacionamento verdadeiramente saudável. À medida que sua autoestima é minada a vítima se fecha, e acaba perdendo vínculos sociais, ficando cada vez mais isolada, o que faz ser ainda mais perigoso.

Micose: Saiba o que é e como se prevenir dessa infecção comum no verão

De acordo com especialistas, pessoas vítimas de abuso psicológico podem ser mais suscetíveis a depressão, drogadição, alcoolismo, distúrbios no sono e na alimentação, além da somatização de doenças.


Depressão é um dos sintomas que se pode ter em decorrência do abuso psicológico. (Foto: Reprodução/BiologiaNet)


Como o agressor age ?

Segundo o portal de Saúde Televita, essas são as principais ações:

- Nega a verdade: O abusador nunca admite a veracidade dos fatos. Não importa quantas provas existirem sobre o assunto, ele irá negar todas elas. A violência psicológica emocional ocorre, pois ele faz a vítima questionar a sua realidade. Assim, ela começa a duvidar das próprias convicções, tornando-se, novamente submissa ao agressor.

- Usa o que é querido pela vítima contra ela: O abusador utiliza o que é precioso para vítima como forma de depreciá-la. Por exemplo, a violência psicológica contra a mulher pode envolver os filhos. Nesse caso, o agressor diz frases como: “Você não é boa o suficiente para eles” ou “Você nunca deveria ter tido filhos”.

- As ações não combinam com as palavras: Pessoas que realizam abuso psicológico, geralmente, fazem uma coisa e dizem outra. Então, preste atenção nas atitudes delas e se o que dizem condiz com as suas ações. A contradição entre elas pode ser a chave para identificar o gaslighting.

- Fala algo positivo para confundir: Esse é um ciclo da violência psicológica. O agressor, que constantemente fala coisas ruins para a vítima, a elogia para mantê-la sobre o domínio dele. A manipulação psicológica, nesse sentido, ocorre para manter a pessoa vulnerável a novos ataques.

- Tenta colocar a vítima contra as pessoas: O abusador utiliza mentiras e manipula a vítima para afastá-la de todos. Dessa forma, o agressor diz que as pessoas não gostam da vítima ou que determinado grupo não serve de boa companhia para ela.

Academia: Saiba quais são os suplementos mais utilizados e seus benefícios

 

Como o abusado se sente ?

O portal Geledés listou alguns dos sintomas provocados pelo abuso psicológico. Veja:

 - Você duvida de si mesmo constantemente;

- Você constantemente se sente confuso ou até mesmo maluco;

- Você está sempre pedindo desculpas ao seu parceiro;

- Você não entende por que, com tantas coisas aparentemente boas na sua vida, você não está mais feliz;

- Você frequentemente cria desculpas para justificar o comportamento do seu parceiro para seus amigos e sua família (ou até para si);

- Você começa a esconder informações dos seus amigos e da sua família para que não tenha que explicá-las ou inventar desculpas;

- Você sabe que algo está muito errado, mas nunca consegue expressar exatamente o que, nem para si mesmo;

- Você começa a mentir para evitar as distorções da realidade e ser posto para baixo;

- Você tem dificuldade para tomar decisões fáceis;

- Você sente que costumava ser uma pessoa muito diferente – mais confiante, mais divertida e mais relaxada;

- Você se sente desesperançoso e desanimado;

- Você sente que não consegue fazer nada certo.

 

Esse tipo de violência psicológica é mais comum as vítimas serem mulheres e crianças, entretanto acontece com homens também. Ao identificar o agressor, a recomendação é que se procure ajuda médica especializada e dependendo da situação a policial.

 

(Foto Destaque: Abuso psicológico: Entenda o que é e como identificar. Reprodução/SempreFamilia)

Deixe um comentário