Money

De Curitiba para o mundo: saiba mais sobre a trajetória de Felippe Percigo

O meio digital se tornou um ambiente bastante atraente quando o assunto é investimento financeiro. Diante de várias possibilidades de rentabilizar o dinheiro.

3 min de leitura
20 Ago 2021 - 13h38 | Atulizado em 20 Ago 2021 - 13h38

O meio digital se tornou um ambiente bastante atraente quando o assunto é investimento financeiro. Diante de várias possibilidades de rentabilizar o dinheiro, as pessoas buscam entender corretamente sobre a área em que pretendem investir através de nomes reconhecidos no setor desejado, como é o caso do empresário curitibano Felippe Percigo.

 

Empreendedor desde os tempos de escola, Felippe explica que sempre desejou ter seu próprio dinheiro, mas teve que enfrentar diversos obstáculos na trajetória para alcançar o status que possui atualmente. Ele é cofundador e CMO da LIQI Digital Assets, empresa especializada na tokenização de ativos financeiros.

 

“Posso dizer que comecei cedo no empreendedorismo. Já aos 13 anos, resolvi abrir uma lojinha na escola. Lá eu vendia tudo que meus amigos precisavam e continuei, sempre empreendendo. Minha última experiência antes de conhecer sobre as criptomoedas foi numa empresa de suplementos que não foi para a frente. Quando parei para aprender sobre o mundo dos criptoativos, me apaixonei e resolvi investir. Criei uma empresa que fornecia liquidez ao mercado brasileiro e não parei mais. Aos 21 anos me tornei milionário e um ano depois profissionalizei meus investimentos. Atualmente sou cofundador e CMO da LIQI Digital Assets, empresa que foca em inovar no mercado financeiro através de tokenização de ativos financeiros”, explicou Felippe Percigo.


 

(Reprodução/Instagram)


O empresário também é professor de MBA e pós-graduação em finanças digitais e blockchain. O conhecimento obtido na área foi fruto do interesse no ramo dos criptoativos quando entrou no mercado em 2017. Além disso, Felippe Percigo também explica para quem acompanha seu trabalho nas redes os perigos de se investir de maneira incorreta.

 

“Não vou mentir, já pensei em desistir do que faço atualmente. Assim que entrei, em 2017, teve um momento em que perdi cerca de 60% dos meus investimentos, muito por conta da falta de conhecimento e da ganância que eu tinha. Infelizmente, eu acabei investindo no mercado através de uma corretora, que tempos depois provou ser um esquema ponzi. É através de experiências como essa e de como eu dei a volta por cima, no mesmo mercado, que quero mostrar que mesmo novo é possível realizar os sonhos desde que correndo atrás deles para conquistá-los”, revela.

 

Apesar do sucesso já obtido, Felippe Percigo pretende expandir cada vez mais o alcance de seus conhecimentos, além do patamar da empresa em que é CMO. Através das redes sociais, ele explica para pessoas interessadas em entrar no mundo dos criptoativos, como o mercado funciona e demonstra oportunidades de investimentos para os mesmos.

 

“Sempre digo para todos ao meu redor, sou uma pessoa ambiciosa que corre atrás dos sonhos. Ao lado do meu time, pretendo alcançar o status de empresa unicórnio e quero me tornar a maior referência do Brasil em criptoativos”, acrescentou.

Deixe um comentário