Tech

C&A investe R$193 milhões em sua plataforma digital

Site e app atualizados é hora de ir as compras, C&A injeta R$193 milhões na área tecnológica em buscar de uma melhor experiência para seus clientes e supera investimento anterior.

3 min de leitura
12 Ago 2021 - 17h18 | Atulizado em 12 Ago 2021 - 17h18

Uma das maiores redes varejistas do pais, a C&A injetou R $ 193 milhões em tecnologia e logística no ano de 2020. Due ao fechamento das lojas em decorrência da pandemia, a empresa se viu em um cenário diferente e as estratégias precisaram sofrer alterações.

"Antes da pandemia, já sabíamos que o cliente omnicanal tem um valor ao longo do tempo muito maior do que aquele que consome em apenas um canal. Mesmo assim, até 2019, apenas 3% do mercado de vestuário era vendido online, então tínhamos projeções de chegar a 10% somente em 2024, dentro da estratégia pré-pandemia. Nesse trimestre, chegamos próximo de 17%. Ou seja, aquilo que já era interessante ganhou um valor cada maior aos olhos dos consumidores " , diz Paulo Correa, CEO da C&A, em entrevista para à Exame.


C&A buscar atualizações tecnológicas para estar cada vez mais próxima de seus clientes. Reprodução: Tatiana Syrikova / pexels


Aquilo que para muitos foi motivo de pânico e incerteza sobre o futuro da economia, para a C&A foi uma oportunidade de driblar o atual cenário e olhar com mais atenção para as vendas online. Seu e-commerce foi inaugurado em 2015 e, desde então, era responsável por 5% do rendimento da empresa, e a partir daí tem planejado melhorias na plataforma.

Visando unificar as informações dos usuários, a empresa anunciou um investimento no valor de R$141,6 milhões para esse ano, apostando na infraestrutura de telecom, aplicações de nuvens e novo sistema de CRM. A aplicação é 212,6% maior que o mesmo período do ano passado e com essa injeção tecnológica, a C&A visa ultrapassar o aumento de 36,9% do primeiro trimestre de 2019.

https://lorena.r7.com/post/Joby-Aviation-promete-taxis-aereos-ate-2024-e-atrai-o-apoio-da-Uber

https://lorena.r7.com/post/Numero-de-empresas-de-tecnologia-registra-crescimento-de-210-em-dez-anos-no-Brasil

https://lorena.r7.com/post/Empresas-do-ramo-optico-se-reinventam-fazendo-uso-da-tecnologia-apos-fecharem-as-portas-das-lojas-fisicas-devido-a-pandemia

No início do ano, a C&A anunciou uma parceria com a plataforma digital de comércio colaborativo Enjoei. Agora, além de poder comprar em suas lojas físicas e site oficial, seus clientes precisam outro canal para escolha. O projeto da redução é aumentar o ciclo de vida dos produtos, oferecendo moda com impacto positivo, reforçando a qualidade e segurança de suas peças. A companhia, assim como todo resto do mundo, está se atualizando em busca de “um novo normal” com um olhar diferenciado para o mundo digital que cresce a cada ano.

 

(Foto destaque: C&A / Divulgação)

Deixe um comentário