Esportes

Verstappen fica com 3ª maior antecedência da história e com bi

Verstappen fica com bi e com 3ª maior antecedência da história. O mais novo bicampeão da F1 conseguiu igualar marca de Vettel em 2011 após carimbar título no Japão

10 Out 2022 - 12h47 | Atualizado em 10 Out 2022 - 12h47
Verstappen fica com 3ª maior antecedência da história e com bi Lorena Bueri

Max Verstappen, mesmo que na maior temporada da F1 de todos tempos, com 22 corridas, conseguiu fazer história. O holândes registrou a terceira maior antecedência nos 72 anos da categoria, ao conquistar seu bicampeonato mundial no GP do Japão, com quatro corridas de antecipação.

Ficando atrás de Michael Shumacher (6 corridas antes do fim da temporada) e Nigel Mansell (5), o piloto da RBR se igualou a Sebastian Vettel (4) em 2011. Além disso, Max superou Lewis Hamilton, atual rival, conforme o “ge”. Inclusive, o veículo de comunicação disponibilizou uma lista, veja abaixo. 

Michael Schumacher - 6 corridas (2002)

A temporada foi um dos auges da hegemonia de Schumacher e também marcada por polêmicas ordens de equipe da Ferrari. Segundo o site, o heptacampeão foi tão dominante que, no campeonato em específico, tornou-se o único piloto da história a subir no pódio em todos os GPs disputados no ano. 

O mesmo ainda fechou o certame com suas 11 vitórias e 17 corridas e faturou o pentacampeonato da carreira na 11ª rodada de 2002, o GP da França.

Nigel Mansell - 5 corridas (1992)

De acordo com o site, o britânico da Williams deixou a F1 nesse mesmo ano com nove triunfos e um recorde que levaria 10 anos para ser batido, no caso, por Schumacher (que conquistaria naquela temporada seu primeiro triunfo de 91). Mansell, das 16 etapas daquele ano, não venceu sete. Nessas ocasiões, ou não concluiu as corridas (4), ou subiu ao pódio como segundo lugar (3).

O único título de Mansell veio no GP da Hungria, 11ª rodada do campeonato. Além das cinco corridas de antecedência, o mesmo também rompeu um jejum de 16 anos sem título de um piloto do Reino Unido (desde James Hunt, em 1976)


Post de Max Verstappen. (Reprodução/Twitter @Max33Verstappen)


Sebastian Vettel - 4 corridas (2011)

O automobilista alemão (que vai deixar a F1 no fim deste ano), com 122 pontos de vantagem para o vice-campeão, Jenson Button, fechou seu ano de bicampeonato. E foi no GP do Japão, segundo o “ge”, restando quatro etapas para a temporada chegar ao fim, só bastando a ele chegar em terceiro colocado. 

No ano de 2022, Verstappen consegue o título com a mesma antecedência também no Japão.  

Bem como o próprio Vettel (que abriu a primeira metade da temporada com seis vitórias em 11 corridas), a RBR não deu margem para os concorrentes.

Depois de uma pausa, o automobilista ainda conseguiu faturar mais cinco vitórias nas oito etapas restantes do ano. O atual tetracampeão, quando não venceu, faturou seis pódios, deixando de lado cruzar a linha de chegada no top 3 apenas duas vezes.  

Lewis Hamilton - 3 corridas (2020)

Conforme detalhado pelo “ge”, a pandemia de coronavírus fez com que a F1 tivesse que adiar por quatro meses o começo da temporada e diminuir o número de etapas (de 22 para 17), centradas na Europa e Oriente Médio. 

Mesmo com essas mudanças há coisas que não mudaram, uma delas é a prevalência da atual octacampeã Mercedes e Lewis Hamilton, que venceu 11 corridas e conseguiu faturar seu heptacampeão na rodada 14, o GP da Hungria, três provas antes de chegar ao fim do Mundial.

O britânico (ligando a sua luta por diversidade com a briga nas pistas) só não saiu vitorioso de quatro corridas, sendo que em uma delas chegou ao pódio. 

Na Áustria, ele cruzou a linha de chegada como o terceiro colocado, porém foi punido com 5s por contato com Alexander Alban (RBR), indo para a quarta posição. No GP de Sakhir, nem largou, por ter sido diagnosticado com coronavírus e George Russell ficou em seu lugar. 

O “ge” aponta que a Fórmula 1 2022 segue daqui a 14 dias para o GP dos Estados Unidos, no Circuito das Américas, em Austin. Verstappen vai chegar ao Texas como bicampeão, mesmo assim o vice-campeonato não está definido ainda. Isso porque um ponto separa Sergio Pérez (o novo vice-líder) de Charles Leclerc.

Foto Destaque: Max Verstappen. Reprodução/Twitter @Max33Verstappen. 

VEJA TAMBÉM

Comitê americano dificulta ações da Polícia Federal para coibir perfis envolvidos em milícias digitais  Lorena Bueri

Comitê americano dificulta ações da Polícia Federal para coibir perfis envolvidos em milícias digitais 

O Comitê de Assuntos Judiciários dos Estados Unidos é composto por maioria de parlamentares que são contra solicitações do Ministro Alexandre de Moraes, o que dificulta o trabalho da Polícia Federal
Belo viaja com Thiaguinho após boatos de separação com Gracyanne Lorena Bueri

Belo viaja com Thiaguinho após boatos de separação com Gracyanne

Belo foi visto no aeroporto do Rio nesta quinta feira (18) acompanhado do também cantor Thiaguinho. Segundo sites , o cantor que é casado há 16 anos com Gracyanne Barabosa estaria com o casamento chegando ao fim. Conforme fontes próxima ao casal, ele
Gisele Bündchen fala sobre a força da maternidade em nova campanha de joias Lorena Bueri

Gisele Bündchen fala sobre a força da maternidade em nova campanha de joias

Modelo abre o coração em nova ação de Dia das Mães
Presidente-executivo da Petrobras nega alterações em preços de combustíveis Lorena Bueri

Presidente-executivo da Petrobras nega alterações em preços de combustíveis

O preço do Brent, referência global do petróleo, oscila bastante este mês, quando chegou a atingir a cotação máxima impactado pelas tensões entre Israel e Irã
Atalanta é derrotado por Liverpool, mas se classifica para às semifinais da Liga Europa Lorena Bueri

Atalanta é derrotado por Liverpool, mas se classifica para às semifinais da Liga Europa

Time italiano sofre derrota em segundo jogo pelas quarta de final da Liga Europa, mas se classifica para com placar agregado da primeira partida
Karol G é confirmada para Rock in Rio 2024 no mesmo dia de Katy Perry Lorena Bueri

Karol G é confirmada para Rock in Rio 2024 no mesmo dia de Katy Perry

A cantora se apresenta no "Dia delas", que também terá participação de Iza, Gloria Gaynor, Ivete Sangalo e Cyndi Lauper. A colombiana também já tem show marcado em São Paulo
Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo